Desordem política num Paraguai em chamas

Por Alex Pegna Hercog La izquierda y la derecha unidas jamás serán vencidas. Essa célebre frase do poeta chileno Nicanor Parra traduz as contradições políticas do Paraguai, materializadas neste controverso dia 31 de março de 2017. No Congresso, a direita e a esquerda, unidas, aprovaram a emenda constitucional que permite a reeleição. Nas ruas, manifestantes…

O perigo de ser mulher na América Central

Entre as histórias que marcaram esta semana prévia à grande marcha mundial convocada para o dia 8 de março está o caso assustador de Vilma Trujillo García, uma mulher de 25 anos que foi queimada viva na Nicarágua, acusada por fiéis de uma igreja evangélica de estar possuída pelo demônio. A agressão aconteceu no dia…

CELAC: América Latina reunida contra Trump

Por Francisco Denis Em meio aos decretos do recém-empossado presidente estadunidense Donald Trump, ocorreu em Bávaro, República Dominicana a V Cúpula da CELAC, a Comunidade de Estados Latino-Americano e Caribenhos. Criada em 2011, a CELAC é hoje a maior e mais representativa organização internacional da região. Apesar de pouco conhecida, conta com a presença de…

Suspensão da Venezuela: só política, nada jurídica

Por Francisco Denis Que 2016 vem sendo um ano turbulento no Brasil e no mundo não há nenhuma dúvida. Tampouco se ignora o fato de que as consequências das mudanças econômicas e políticas afetaram em cheio um dos blocos de integração mais estratégicos da região: o Mercosul. No ano em que completa o seu 25º…

A América Latina é uma região de paz?

Por Rubén Armendáriz * Não escasseiam os artigos que definem a América Latina e o Caribe como uma região de paz, e apesar de os países que a integram não se encontrarem entre as maiores potências militares do planeta, a região mantém uma tendência mundial de contínuo reforço de suas Forças Armadas, enquanto persiste a…

A teoria brasileira sabotadora da integração

Por Aram Aharonian * – artigo publicado originalmente no site América Latina en Movimiento O governo golpista brasileiro, ainda sendo interino, tomou cores de ditadura no que diz respeito a aplicar a teoria dos fatos consumados e da intervenção nos assuntos internos dos demais países, com a intenção manifesta de ser um “sub império” regional, a serviço…

A encruzilhada de um Mercosul sem consenso

Por Francisco Denis Sem se valer de teorias e conceitos, de forma simples, entende-se que consenso é quando duas ou mais partes chegam a um ponto em comum, numa determinada negociação sobre algum tema. Todos são ouvidos e suas opiniões respeitadas, desde o maior ao menor, seja qual for o poder de cada um na…

José Serra afasta o Brasil da América Latina

Por Chico Dênis e Alexandre Andreatta As recentes três notas do Itamaraty, o pedido de estudo de custo de postos diplomáticos abertos nos governos Lula e Dilma na África e no Caribe nos últimos anos e o discurso de posse do novo ministro interino das Relações Exteriores, José Serra (PSDB) demonstram que, em menos de…

Por que a paz na Colômbia não chegou na data prevista

Por Mariana Clini Diana Dia 23 de março chegou e a Colômbia amanheceu tranquila, como um dia normal de semana santa, celebrada pelos católicos que representam a maioria neste país. Nada havia de atípico, exceto pela promessa feita, em setembro do ano passado, pelo presidente Juan Manuel Santos, junto com seu antagonista, de codinome Timochenko,…

Causas e consequências da vitória opositora na Venezuela

Por Gilberto Maringoni 1. A derrota do chavismo na Venezuela é daqueles acontecimentos políticos cuja avaliação se estenderá por meses. As lições da perda da maioria na Assembleia Nacional apontam para uma dramática perspectiva no referendo revogatório – mecanismo democrático inscrito na Carta Magna do país, desde 1999 – que terá lugar em 2016. 2.…