Chaves, o personagem símbolo da América Latina

Muitas coisas serão ditas nas próximas horas e nos próximos dias sobre a morte do criador dos personagens Chaves e Chapolim, entre tantos outros.

Vão lembrar do lado negativo, as brigas com os demais atores pelos direitos autorais dos personagens, as acusações de que era amigo de líderes narcotraficantes mexicanos, entre outras suspeitas não comprovadas mas que sempre o perseguiram.

Mas também recordarão de um dos programas mais longevos da história da televisão mundial, com quase vinte anos no ar, retransmitido em cem países e mais de cinquenta idiomas diferentes, Um sucesso que também se reproduz no Brasil, até hoje, que já deve ter feito milhões de brasileiros chorarem a sua partida.

Nosso blog faz essa singela homenagem, justamente por isso. Não somente pela grandeza da obra que ele deixa, mas porque entre ela está o fato de ter unido o Brasil ao resto da América Latina (um dos nossos objetivos), ainda que seja num momento de luto.

Se foi o escritor e comediante que fez o menino pobre, frágil e desamparado que vive dentro de um barril ser o herói de todas as crianças pobres, frágeis e desamparadas (e também das amparadas) que vivem nas ruas e nas casas da América Latina.

Roberto Gómez Bolaños, Chespirito.
1929 – 2014

  • Amanda

    De que episódio é essa cena?

    • Victor Farinelli

      Um onde ele é expulso da vila ao ser acusado injustamente de ladrão. Alguns episódios do Chaves são especialmente emotivos. Vocês poderão lembrar de outros preferidos, este é o meu.

  • Wulises Paixão

    Foi-se um gênio que marcou, a minha infância,
    e de todos “os bons”que o seguiam… Chaves vive!

  • Michele Niella

    …verdade.

    Obrigada! :’)

  • M1

    O Maior Personagem de todos os tempos…