Um Retrato da Cuba pós-Fidel

No dia 2 de janeiro, em frente a Praça da Revolução, em Havana, se realizou o primeiro desfile cívico-militar sem Fidel. Na avenida Paseo – onde está a famosa imagem do Che – os cubanos comemoraram o 58° aniversario do triunfo da Revolução, no lugar onde os moradores da capital começaram a se agrupar desde…

Causas e consequências da vitória opositora na Venezuela

Por Gilberto Maringoni 1. A derrota do chavismo na Venezuela é daqueles acontecimentos políticos cuja avaliação se estenderá por meses. As lições da perda da maioria na Assembleia Nacional apontam para uma dramática perspectiva no referendo revogatório – mecanismo democrático inscrito na Carta Magna do país, desde 1999 – que terá lugar em 2016. 2.…

O segundo turno argentino e o futuro do Mercosul

No último debate presidencial, no domingo passado (15/11), Mauricio Macri lançou um desafio para Daniel Scioli: “eu sendo presidente vou apresentar uma iniciativa para suspender a Venezuela do Mercosul, e gostaria de saber o que você fará sobre isso”. O argumento do candidato da direita argentina é que a Venezuela não é um país democrático,…

Mercosul busca um norte, e também um oeste

Cinco chefes de Estado cara a cara, sem a chilena Michelle Bachelet, que não quis ficar para ver o debate sobre o anseio boliviano de saída ao mar. Protegidos pelas paredes duras do Palácio do Itamaraty, e pela falta de entusiasmo da mídia corporativa com o evento, os presidentes protagonizaram mais uma Cúpula do Mercosul,…

O novo imposto sobre heranças e o despertar da oposição equatoriana

Mais do que sua popularidade de mais de 60% (números de março de 2015), o fato de estar há meses fora do noticiário da grande mídia antibolivariana é o melhor indício de que o Equador de Rafael Correa, entre os muitos governos de esquerda a região, é um dos poucos capazes de manter certa tranquilidade…

O Canal da Nicarágua e o risco de um novo imperialismo

Embora ainda resistido por ambientalistas e cientistas no mundo inteiro, além de camponeses e operadores turísticos em seu próprio país, o Canal da Nicarágua está saindo do papel. Graças ao poder dos mais de 40 bilhões de dólares investidos pela empresa chinesa HKND (Hong Kong Nicaragua Development, do megaespeculador chinês Wang Jing, criada especialmente para…

O México queimando vivo, enquanto a economia cresce

Durante a campanha eleitoral brasileira, o candidato opositor Aécio Neves citou mais de uma vez o México como o exemplo do que ele queria para o Brasil em termos de gestão econômica. Tinha motivos, já que algumas das manchetes do noticiário econômico diziam que o México superou o Brasil como maior exportador de carros da…

Evo Morales e o capitalismo para todos na Bolívia

Este domingo é dia de eleições na Bolívia. Evo Morales tentará sua segunda reeleição. Seu favoritismo é tão grande que as pesquisas mostram que ele poderia superar sua votação recorde de 2009, quando obteve 64% dos votos – a sondagem do Instituto Tal Cual, divulgada no dia 5 de outubro, apontou que 57% votariam por…